Praticando o verbo reussir

28/09/2008
Hoje completo 2 meses de trabalho aqui no Québec.
Assim como no Brasil, aqui há um periodo de experiência, que é de 03 meses. E como no Brasil, há o trabalho temporário, que é provido normalmente por alguma agência de emprego. Os meus dois meses tiveram cara de três.
Como já comentei antes, não sou funcionária da empresa que trabalho, mas sim de uma agência.
Quando fui contratada, a agência me avisou que tratava-se de uma vaga temporária, para realizar um trabalho por um periodo de 2 meses.
Aceitei muito feliz, afinal, muita gente vem para cá tendo que fazer bénévole, que é serviço voluntariado (leia-se salário 0) para adquirir a tão famosa experiência canadense. Eu era então uma sortuda em ter oportunidade de após apenas 1 mês aqui já conseguir um trabalho remunerado. Pensei: mesmo que eu não fique depois de 2 meses por ser um trabalho temporário, se eu fizer um bom trabalho, a própria agência consegue me recolocar rapidinho. E fui eu lá, toda feliz e saltitante para meu primeiro emprego aqui.
Adorei o ambiente de trabalho e fiquei torcendo para que a estória do temporário fosse fajuta. Mas constatei que realmente o trabalho estava acumulado, principalmente pq. muita gente estava saindo de férias em junho/julho e agosto. Ai fiquei entre a cruz e a espada: se eu fizesse direito o meu trabalho (afinal fui contratada para isso) os volumes voltariam aos níveis normais e não teria mais função lá dentro para mim. Se não fizesse, claro, estaria sendo mal-funcionária e não teria possibilidade nem de uma boa carta de recomendação. Então fiz meu trabalho direitinho, torcendo para que surgissem outras oportunidades de ficar para fazer algum outro trabalho, até pq. enrolar não é meu lema.
Outro dia, em uma conversa com meu surpevisor, ele disse que ele e a diretora estavam fazendo o possível para que conseguissem junto aos superiores deles que eu ficasse, apesar de ter sido contratada por um periodo curto, afinal eles achavam que eu trabalhava muito bem, prova disso que ele não ficava fuçando no meu trabalho pq. sabia que eu fazia corretamente. Fiquei com a esperança em alta, mas só fiquei otimista mesmo quando semana passada, a diretora, depois de voltar de uma viagem à matriz da empresa, mandou um email para os chefitchos dela dizendo que a partir daquele dia, seria eu e não mais ela, quem enviaria o relatório X a eles.
Parece uma coisa simples, mas trata-se de um relatório super importatante para ela, o qual ela passava o dia esperando fecharem os numeros e ela passar para os chefitchos dela, eu tinha a impressão que ela trabalhava só para isso. O fato dela deixa-lo em minhas mãos, principalmente para transmitir aos chefitchos dela, significou para mim uma tremenda prova de confiança da parte dela. Além do mais, supus que se ela disse que “daquele dia em diante” eu ia passar o tal do relatório, não era pq. na semana seguinte ela ia querer anunciar as mesmas pessoas que eu não estava mais lá.
Enfim, os dois meses chegaram e eu continuo empregada.
Realmente o trabalho inicial era apenas para baixar um volume enorme de processos que havia parado lá, mas agora, além de tratar esses processos, adquiri novas responsabilidades.
Soube no decorrer do tempo, que a empresa mantém os empregados pela agência por muuuuito tempo, muitas vezes por anos. A maioria fica em torno de 3 anos como temporário. Acho que isso é uma forma da empresa não se comprometer, uma vez que a legislação aqui não permite demissão do empregado sem justa causa (após findo o período de experiência).

Abraços

Lapin-Mère

5 comentários sobre “Praticando o verbo reussir

  1. Parabéns pelo sucesso…
    e que venham mtas outras conquistas…
    Diz um ditado que:
    “A nós cabe o trabalho o resultado deste trabalho pertence a Deus…”
    Então vamos trabalhar direitinho, certo?!?!
    Abraços a familia toda!
    Mtos beijos
    Darlene

  2. OLA Lapin Mére, tudo bem?

    parabéns pelo otimo desempenho em seu trabalho, desejo-te muito sucesso e que novas promoções estajam por vir.
    adorei as dicas das roupas e botas para o frio.

    beijos

    Juliano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s